Feiticeiros

terça-feira, 9 de agosto de 2011


Ainda me lembro daquele olhar. Verde. Que perdido em meio a multidão, se encontrou ao meu. Penetrante e sensual. Fiquei enfeitiçada. Sabendo da fama de traiçoeiros que são, me deixei levar pelo poder dessa arma que possui e sabe muito bem como usar. Manuseia sem nenhum esforço. Desejos recíprocos. Um toque labial solene e sem meras apresentações. Um desconhecido, ao mesmo tempo tão familiar. Nada soube. Espero um dia poder te reencontrar em meio à multidão.

 
Ilária Oliveira. Tecnologia do Blogger.