Idéias demais, disposição de menos

sexta-feira, 5 de novembro de 2010


Eu não sou pergunta nem exclamação. Não sou perfeição, nem feia nem bonita, nem exceção. Tenho idéias demais, disposição de menos e um monte de sonhos pra realizar. Não tenho estilo próprio e admiro pessoas que pintam o cabelo de azul sem receio. Não gosto de pessoas que reclamam de tudo e que só usam a palavra ‘não’. Acredite, o vocabulário se torna bem mais extenso por se conhecer o ‘sim’. Me faço de vítima, de desentendida, de intelectual, de psicóloga e falo demais. E quando me perguntam se estou triste digo que não, estou cansada. Eu gosto de silêncio de dentro e às vezes de fora, mais. Eu quero mais emoção, mais chocolate, menos preocupação. Quero viajar menos dentro de mim e ver tudo que está lá fora. Quero sucesso com todos os ‘s’. Na rua, eu ando depressa mas no fundo eu sou só preguiça. Adoro ganhar presentes, vivo dando bola fora, falo o que penso, às vezes perco a hora mas sei que um dia eu chego lá. Dizem que sou doce, que sou autentica, que sou estressada, que tenho papo cabeça, que sou engraçada, que sou um tédio, que eu sou demais e até que eu não existo. O que eu sei sobre mim é quase nada.

Ilária Oliveira. Tecnologia do Blogger.