Gelo

domingo, 22 de julho de 2012



Fria! Tenho sido assim muitas vezes por querer, outras sem querer, e outras por não suportar mais. Desatenta, desleixada, despreocupada. Acabo sentindo o inverno de volta. Talvez uma simples e complicada impressão, talvez uma mera verdade. O tempo congela, nada acontece, e num súbito calor é perceptível a presença dos dias passados. Em momentos desejo que as horas voem, noutros desejo ficar ali estática... Numa espera profunda e vaga.

Ilária Oliveira. Tecnologia do Blogger.