Detalhes tão nossos

segunda-feira, 22 de agosto de 2011


Onde você pode estar? Cansei de te procurar. Me ensina como chegar à ti. Em teus braços quero logo estar. Que me acolha em teu ninho de amor, me forneça todo esse sentimento que tens guardado. Te dou a garantia dos meus. Ah, como seria bom poder te olhar nos olhos, saber traduzir teu sorriso meigo e até o mais faceiro. Dormir com aquele cafuné que só você sabe fazer. Acordar com aquele bom-dia que me olhava dormir. E as palavras sussurradas ao ouvido. Roçando-me a barba por fazer. Detalhes tão pequenos e ao mesmo tempo tão nossos. Porque me faz esperar tanto? Saibas que estou pronta. Pronta pra amar e ser amada de verdade.

Ilária Oliveira. Tecnologia do Blogger.